domingo, 26 de dezembro de 2010

IRVIN KERSHNER | O IMPÉRIO CONTRA - ATACA

"Você precisa sentir a força a sua volta..."
  
EPISÓDIO V


Neste capítulo os rebeldes são chefiados por Luke Skywalker numa nova base secreta em um planeta gelado. Mas o Império, agora comandado por Darth Vader, por ordens do Imperador, em uma contra-ofensiva, atacam esta base fazendo com a frota rebelde se espalhe pela galáxia. Luke, ainda com o poder da força, escuta os conselhos do sábio Obi-Wan e procura o mestre Jedi de todos os tempos: Yoda em uma planeta pantanoso, enquanto Han Solo, Leia, Chewbacca e C-3PO fogem na Milennium Falcon até as Cidade Das Nuvens de Bespin onde são ajudados por Lando Calrissian. Na tentativa de converter o jovem Skywalker para o lado negro da força, Vader prepara uma armadilha e trava a sua primeira batalha com o jovem e futuro Jedi, quando o mesmo descobre a angustiante verdade sobre o seu pai.







Este é um caso raríssimo, uma continuação melhor que o original. Em parte porque George Lucas teve o bom senso de apenas escrever e produzir, deixando a realização nas mãos competentes do veterano e seu professor IRVIN KERSHNER ( 1923-2010), que tomou as decisões corretas. Todo o elenco esta mais à vontade e mais confiante, principalmente HARRISON FORD que, finalmente, demonstra qualidades de astro e herói.
Como o roteirista inicial LEIGH BRACKETT morreu logo depois de entregar o primeiro script, Lucas descobriu um novo talento em LAWRENCE KASDAN, que também escreveria OS CAÇADORES DA ARCA PERDIDA e a quem ele ajudaria na sua estréia como diretor com CORPOS ARDENTES (1981). A mistura do veterano e do jovem deu muito certo na questão da linguagem do roteiro.



O filme já começa em plena ação com o ferimento de MARK HAMILL para justificar sua mudança facial, já que Hamill sofreu um grave acidente de carro no intervalo dos dois primeiros filmes. Não ter um começo já foi uma ousadia para a época, mas muito mais atrevido ainda não foi ter um fim, deixando o herói congelado, como se fosse o final de um seriado antigo; com a diferença de que foi preciso esperar pela resolução, não uma semana, mas três anos!
O importante é que isso não prejudicou o sucesso mundial do filme, e que tem efeitos especiais mais elaborados e ainda melhores, direção de arte experiente e ganha em profundidade graças a figura ao mesmo tempo adorável e sapeca do mestre YODA, o ótimo FRANK OZ. E, graças a Deus, alguém teve a ótima idéia de mudar o penteado da Princesa Léia. ALEC GUINNESS faz apenas uma pequena participação especial e para contrabalançar as críticas do primeiro filme que não trazia atores negros, entrou no elenco BILLY DEE WILLIAMS como Lando que primeiro ajuda Darth Vader e depois rende-se a causa do amigo Han Solo e posteriormente aos Rebeldes.

E para confirmar que este é o melhor filme da série, há ainda a grande e chocante revelação de quem é o pai de Luke...

EUA - 1980
AVENTURA
COR
LIVRE
WIDESCREEN
124 min.
DISTRIBUIÇÃO: FOX
PRODUTORA: LUCASFILM LTD.
NOTA: ✩✩✩✩✩ EXCELENTE


EPISODE V
THE EMPIRE ESTRIKES BACK
Estrelando 
MARK HAMILL HARRISON FORD CARRIE FISHER
BILLY DEE WILLIAMS. ANTHONY DANIELS como C3PO
Co estrelando 
David Prowse. Kenny Baker. Peter Mayhew
& Frank Oz como Yoda
Música JOHN WILLIAMS Produtor Executivo GEORGE LUCAS
Direção De Arte NORMAN REYNOLDS Fotografia PETER SUSCHITZKY
Edição PAUL HIRSH Efeitos Especiais INDUSTRIAL LIGHT & MAGIC
Escrito Por LEIGH BRACKETT e LAWRENCE KASDAN
História de GEORGE LUCAS
Produzido por GARY KURTZ
Dirigido por
IRVIN KERSHNER

5 comentários:

renatocinema disse...

Nas primeiras palavras você falou tudo: "Este é um caso raríssimo, uma continuação melhor que o original." Muito raro mesmo.

Mas, sem dúvida, dos grandes blockbuster, a maior saga.

Filmaço que deixa orgulhoso qualquer fã de cinema. `

Hugo disse...

Você escreveu tudo, é o melhor filme da série.

Abraço

Zombie Boy disse...

Por incrível uqe pareça, mesmo forçando bastante, eu nunca consegui gostar da Saga Star Wars... Mas gostei bastante da forma como escreve...

Parabéns...

Reinaldo Glioche disse...

Esse filme traz mesmo um dos grandes momentos do cinema. Tb sou dos que acha superior ao original, aliás O império contra ataca é o mesmo o melhor filme da saga.
Mas o grande destaque vai mesmo para o penteado da princesa Léia...rsrs

See you around!

Rodrigo Mendes disse...

RENATO, HUGO, REINALDO: É mesmo o alegreto da saga! o melhor capítulo! Abs.

ZOMBIE BOY: Obrigado pela visita. To te seguindo, tbm gostei do seu blog e de sua exposição textual.
Abs.

Rodrigo